\\ Pesquise no Blog

segunda-feira, 11 de julho de 2011

ensaio 49


11/07/11, unirio, sala 604
diogo, flávia, rafael, gustavo, júlia, fernanda, dominique, nina, marília, fred e vítor


fizemos leituras do texto com cortes nas cenas um e dois. aproveitamos para ler também a cena três, ainda inédita. é inevitável: uma nova cena abre ainda mais aquilo que pode vir a ser cada personagem. conversamos bastante sobre essa revelação de um a um, como vão se manifestando.

reconhecemos que pós-cena três as coisas de fato tenham que ser diferente. os amigos tentam conseguir resolver alguma coisa na busca por explicações. andréia se torna alvo e logo em seguida é a vez de inácio.

a coisa da culpa, realmente, não vai mais rolar. ainda bem.

\\

2 comentários:

Flávia Naves disse...

Marília disse via Rita: a culpa seria a pior destruição de nós mesmos.

A QUESTÃO
:Lidar com aquilo que não se resolve e não resolver o que não tem resolução.

PASSAGEM PRA VIDA ADULTA

Flávia Naves disse...

PARA QUINTA:

ESTUDAR E DECORAR O TEXTO!
(só pra lembrar...)