\\ Pesquise no Blog

segunda-feira, 24 de janeiro de 2011

não-atravessar

pensando pelo outro lado, encontro uma possível maneira que se configura como um não-atravessar. uma outra maneira que não é a indiferença (uma maneira possível para não permitir nenhum tipo de atravessamento). eu estive pensando que uma forma para não atravessar é justamente o se pausar no tempo. o congelar da vida e o cravar-se nela.

como fazê-lo? suicidando-se. ora, o suicídio é um pause no tempo. cria um ponto - nevrálgico (é clichê, é sincero) - a partir do qual a vida de quem fica parece girar ao redor. é um tempo que passa e permanece presente. é uma maneira de não ceder como se faz normalmente. é uma maneira de não atravessar só que via atravessamento. via soco, via punch, via soco, via chute e desnorteamento.

especulando em cima de luiz vaz de camões:

Suicídio é louco que te arde e tu não vê;
É um perigo que é só e persistente;
É um carregamento descontente;
É dor que beira a linha do morrer;



É um não querer-se mais de si ausente;
É o solitário a andar por entre as gentes;
É o nunca acostumar-se só contente;
É o cuidado que se ganha ao se perder;



É querer estar livre por vontade;
É servir a quem te vence, ao vencedor;
É ter com quem nos mata a igualdade.



Mas como pode causar tanta dor
E nos corações humanos desespero,
se tão contrário ao fim é ele mesmo
o próprio fim e o meio-termo?

5 comentários:

Flávia Naves disse...

hahhahahaaa!!!! ótimo!!!!!!!!!!!

Marília Misailidis disse...

Tava relendo e comentando nosso janeiro...Ao chegar aqui pensei:ótima a idéia de morte=congelar e pensei em como o amor nos descongela.Fiquei pensando em como dói incrívelmente,mas como não aguento de felicidade quando vejo Mathew Broderik(sei lá como escreve isso)cantando twist and shout em "curtindo a vida adoidado".Fiquei pensando em alguém congelado ouvindo twist and shout.Ta me acompanhando?Eu quero voooooar!!!

Marília Misailidis disse...

A Flavinha falou em amor vendo Giulietta,acho que devemos ver este filme juntos mesmo

*Vendetta* disse...

alguém congelado ouvindo twist and shout

*Vendetta* disse...

uma maneira de nao atravessar é também ser o proprio atravessamento. nao ter corpo. nao tem corpo, nao é atravessado. é o atravessar. a distancia. anti materia. fluxo e refluxo ao mesmo tempo.